Tag Archive: António Bracons

ANTÓNIO BRACONS, CORUCHÉUS, LISBOA

. . . António Bracons, Coruchéus, Lisboa, 2020 . . Em pleno coração de Alvalade, escondida do rebuliço e do trânsito, entre edifícios de habitação, fica a antiga Quinta dos Coruchéus, que deve… Continuar a ler

ANTÓNIO BRACONS, EM TEMPO DE CORONAVÍRUS, 2020

. . . António Bracons, Em tempo de coronavírus, 2020 . . A pandemia de coronavírus, do Covid-19, atingiu todo o mundo, fez quase parar grande parte da população mundial. Em Portugal, os… Continuar a ler

ANTÓNIO BRACONS, FICAR EM CASA, 2020 – 1

. . . António Bracons, Ficar em casa, 2020 . . A pandemia de Covid-19 levou ao isolamento global. Ficar em casa. Redução ou mesmo fecho de todas as atividades não essenciais, trabalho… Continuar a ler

ANTÓNIO BRACONS, CASTELO, LEIRIA, 2018

Dia Mundial dos Monumentos e Sítios . . . António Bracons, Castelo, Leiria, 2018 . . O castelo de Leiria, majestoso, coroa a cidade, e a cidade olha-o, estendida à sua volta. Residência… Continuar a ler

ANTÓNIO BRACONS, COLISEU, ROMA, 2019

. . . António Bracons, Coliseu, 2019 . . Coliseu. Colosseo, em italiano. Colossal. Visitei o Coliseu em agosto de 2019. Uma multidão de todas as nacionalidades palmilhava a cidade. Os cidadãos romanos… Continuar a ler

ANTÓNIO BRACONS, COIMBRA, DESDE A TORRE DA UNIVERSIDADE, 1998 – 2 – DETALHES

730 anos da Fundação da Universidade Portuguesa (Estudo Geral, em 1 de março de 1290). . . .   António Bracons, Coimbra, Deste a Torre da Universidade, Detalhes, 1998 . . Em 1998,… Continuar a ler

ANTÓNIO BRACONS, COIMBRA, DESDE A TORRE DA UNIVERSIDADE, 1998 – 1 – PANORÂMICAS

730 anos da Fundação da Universidade Portuguesa (Estudo Geral, 1 de março de 1290). . . . António Bracons, Coimbra, Deste a Torre da Universidade, Panorâmicas, 1998 . . No tempo em que… Continuar a ler

ANTÓNIO BRACONS, ACQUA ALTA, VENEZA, 2019

. . . António Bracons, A cidade. Libreria Acqua Alta, Veneza, 08.2019 . . O Mar Adriático pouco sobe com as marés: menos de um metro, que nalguns canais mais interiores quase não… Continuar a ler

ANTÓNIO BRACONS, PELOS CANAIS, VENEZA, 2019

. . . António Bracons, Pelos Canais, Veneza, 08.2019 . . Um modo de ver esta cidade diferente é a partir dos canais que a atravessam, rede quase tão densa como os caminhos… Continuar a ler

ANTÓNIO BRACONS, BASÍLICA DE S. MARCOS, VENEZA, 2019

. . . António Bracons, Basílica de S. Marcos, Veneza, 08.2019 . . Coroando a Praça de S. Marcos, a Basílica de S. Marcos é o centro da vida religiosa da cidade e… Continuar a ler

ANTÓNIO BRACONS, PRAÇA DE S. MARCOS, VENEZA, 2019

. . . António Bracons, Praça de S. Marcos, Veneza, 08.2019 . . A Praça de S. Marcos, ou Piazza San Marco, como referem os locais, a única de Veneza (todas as outras… Continuar a ler

ANTÓNIO BRACONS, RIALTO, VENEZA, 2019

. . . António Bracons, Rialto, Veneza, 08.2019 . . Chego à zona de Rialto. Deixo para trás a Igreja de S. Giovanni Elemosinario, e a sua torre alta e, logo depois do… Continuar a ler

ANTÓNIO BRACONS, VENEZA, 2019 – 2

. . . António Bracons, Veneza, 08.2019 . . Os caminhos estreitos entre os edifícios prosseguem em ângulos agudos e retos. Num tornejar, uma ponte atravessa um canal. Aqui e além, abrem-se numa… Continuar a ler

ANTÓNIO BRACONS, VENEZA, 2019 – 1

. . . António Bracons, Veneza, 08.2019 . . Um dia em Veneza. Como se chegasse para conhecer a cidade. Não chega. É apenas para um primeiro sentir… Chego de comboio à Estação… Continuar a ler

FELIZ NATAL!

. . . António Bracons, Presépio, Ramada, 2019 . . O Presépio é montado na casa de cada um, em tantos locais de trabalho, renasce nos largos e nas praças. Quando Jesus nasceu,… Continuar a ler

ANTÓNIO BRACONS, CÂNTICO NEGRO [JOSÉ RÉGIO], 2017

Dia 22 completam-se 50 anos da morte de José Régio, pseudónimo literário de José Maria dos Reis Pereira (Vila do Conde, 17 de setembro de 1901 – Vila do Conde, 22 de dezembro… Continuar a ler

ANTÓNIO BRACONS, FLORBELA ESPANCA, COIMBRA, 1998

Em 8 de Dezembro completaram-se 125 anos do nascimento e 89 da morte de Florbela Espanca (Vila Viçosa, 8 de Dezembro de 1894 – Matosinhos, 8 de Dezembro de 1930) . . .… Continuar a ler

DANIEL BLAUFUKS, HOJE, NADA

. . . “Hoje, nada”, de Daniel Blaufuks, com curadoria de Sérgio Mah, esteve em exposição no Pavilhão Branco do Museu de Lisboa / Palácio Pimenta, ao Campo Grande, entre 22 de setembro… Continuar a ler

ANTÓNIO BRACONS, AVELAR BROTERO, JARDIM BOTÂNICO, COIMBRA, 1998

275 anos do nascimento de Félix da Silva Avelar, conhecido como Félix de Avelar Brotero (Santo Antão do Tojal, Loures, 25 de novembro de 1744 – Belém, Lisboa, 4 de agosto de 1828)… Continuar a ler

ANTÓNIO BRACONS, OUTONO, JARDIM BOTÂNICO, COIMBRA, 1988, 1998

. . . António Bracons, Outono, Jardim Botânico, Coimbra, Nov. 1988, Nov. 1998 . . O Jardim Botânico da Universidade de Coimbra nos seus múltiplos patamares e espaços acolhe centenas de espécies naturais.… Continuar a ler