NOVOS TRABALHOS #3 DO ATELIER DE LISBOA – 3: DAVID GRADES, “SPARRING” E KACAU OLIVEIRA, “EU”, 2016

.

.

.14725517_865494886921405_1192292578980625694_n

.

A exposição “Novos Trabalhos #3”, apresenta os trabalhos finais do Curso de Projecto do Atelier de Lisboa, de 2015/2016, apresenta-se em Lisboa, em Alcântara, na Travessa do Conde da Ponte, 31, entre 22 de outubro e 5 de novembro de 2016.

Esta exposição marca o início da comemoração do 10.º aniversário do Atelier de Lisboa.

A curadoria é de António Júlio Duarte, que foi também o orientador dos projetos de Bruno Sul, Cristina H Melo, David Grades, Kacau Oliveira e Nuno Andrade; Bruno Santos Valter Ventura orientaram o projeto de Tânia Cadima.

.

.

Este slideshow necessita de JavaScript.

António Bracons, Aspetos da exposição, 2016

.

Nest post e nos anteriores vemos os trabalhos destes autores.

.

.

.

David Grades, Sparring, 2016

.

atelier_lisboa-novos_trabalhos3-2016-3-david_grades-fot_a_bracons-6

António Bracons, David Grades, 2016

 .

David Grades (Lisboa, 1969) foi já praticante de Karaté, Aikido e Krav maga e o gosto pela luta, as artes marciais e a fotografia, levou-o à concretização deste projeto: fotografar praticantes de boxe e de Muay-Thai. Não quis perturbar os treinos, portanto as imagens foram registadas logo após estes. Cada um dos atletas tinha toda a liberdade para ser ou não fotografado. De início, a posição inicial era a de combate, as mãos a esconderem o rosto. Aos poucos foi surgindo a descontração. Grades voltou várias vezes, oferecia aos atletas uma impressão das imagens que registava. O projeto foi evoluindo ao longo do tempo até chegar ao portfólio que apresenta: 8 lutadores, homens, todos fotografados imediatamente após o treino. Os rostos, as expressões serenas, mas que sabem estar alerta, para a luta. Desafiantes.

Diz Grades:

Este trabalho constitui um conjunto de retratos realizados a atletas de desporto de combate. A série foi desenvolvida ao longo de um ano, em vários ginásios, num ambiente marcado pela elevada intensidade dos treinos.

O ar fica denso reflectindo o empenho dos atletas, o seu poder de sacrifício e disciplina, os elevados índices de motivação necessários à superação dos objectivos.

Os atletas expõem-se voluntariamente. O retrato tem uma carga invasiva da intimidade. Através da repetição do enquadramento dos modelos procurei registar a tenacidade mental e a força interior que revelam, a vontade e automotivação que os caracteriza. Do mesmo modo, procuro mostrar a tensão que existe durante o processo fotográfico.

Sparring. Forma de treino comum na preparação para as lutas oficiais, um tipo de luta livre em que os próprios atletas podem acordar as regras do “combate”. É um dos treinos mais importantes na preparação mental dos atletas de competição.”

.

.

Este slideshow necessita de JavaScript.

António Bracons, David Grades, Sparring, 2016

 .

.

Oito fotografias impressas a jacto de tinta a P&B sobre papel Hahnemuhle Photo Rag Baryta 315g, 40 x 50 cm com margens, montagem em PVC 3mm, 1PA + 3

.

.

Pode conhecer melhor o trabalho de David Grades aqui.

.

.

.

Kacau Oliveira, “eu”, 2016

.

atelier_lisboa-novos_trabalhos3-2016-3-kacau_oliveira-fot_a_bracons-12

António Bracons, Kacau Oliveira, 2016

.

Kacau Oliveira (São Paulo, 1976), está em Portugal há 4 anos. Veio para Lisboa para estudar fotografia. Na cidade grande, sem conhecer ninguém, sentiu-se sozinha. A busca do seu “eu”, através da imagem fotográfica, levou-a à auto-representação. Fotografou-se em casa, na sua casa, no seu espaço, no seu mundo.

A intervenção posterior sobre a imagem fotográfica impressa, com tinta acrílica de cor preta, de maior intensidade que os negros da imagem fotográfica, sublinham o seu isolamento e solidão e a procura de uma saída feliz.

 Este projeto é um trabalho de representação do corpo no espaço e trata-se de uma reflexão sobre o “eu” íntimo; dos caminhos, dos percalços e das experiências com o mundo, explorando a ambiguidade do ser e sua relação com a escuridão.”

.

.

Este slideshow necessita de JavaScript.

António Bracons, Kacau Oliveira, “eu”, 2016

.

.

Referências: KO2015_13113, KO2015_13115, KO2015_13117

Fotografia digital em preto e branco impressa em papel algodão, com intervenção de tinta acrílica. 1,00 x 0,73 cm, margem com 10 cm, colagem sobre PVC 5mm. Provas únicas.

.

.

Pode conhecer melhor o trabalho de Kacau Oliveira aqui.

.

.

.