Monthly Archive: Outubro, 2016

NOVOS TRABALHOS #3 DO ATELIER DE LISBOA – 2: BRUNO SUL, “C.” E NUNO ANDRADE, “GINJAL”, 2016

. . . . A exposição “Novos Trabalhos #3”, mostra os trabalhos finais do Curso de Projecto do Atelier de Lisboa, de 2015/2016, apresenta-se em Lisboa, em Alcântara, na Travessa do Conde da… Continuar a ler

ANTÓNIO BRACONS, O COMBOIO REAL, MUSEU NACIONAL FERROVIÁRIO, ENTRONCAMENTO, 2015

160 Anos da primeira viagem de caminho-de-ferro realizada em Portugal (28 de outubro de 1856) . . . António Bracons, Comboio Real, Museu Nacional Ferroviário, Entroncamento, 2015  . . A história do caminho-de-ferro… Continuar a ler

NOVOS TRABALHOS #3 – ATELIER DE LISBOA – 1: TÂNIA CADIMA, “BERENICE” E CRISTINA H MELO, “NÃO, NÃO É UM ESPAÇO”, 2016

. . . . . A exposição “Novos Trabalhos #3”, mostra os trabalhos finais do Curso de Projecto do Atelier de Lisboa, de 2015/2016, apresenta-se em Lisboa, em Alcântara, na Travessa do Conde… Continuar a ler

ANTÓNIO BRACONS, MAAT, LISBOA, 2016

      António Bracons, MAAT, Lisboa, Out. 2016       O MAAT – Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia, da Fundação EDP, integra a Central Tejo, um exemplo feliz de conservação… Continuar a ler

CARLOS AZEREDO MESQUITA, DETAILED CLOSE-UPS OF FAR-OFF SCENES, 2015

      Carlos Azeredo Mesquita Detailed close-ups of far-off scenes Fotografia e texto: Carlos Azeredo Mesquita Porto e Basileia, Suissa: Pierrot le fou / Novembro.2015 Fascículo n.º 6 Inglês / 16,0 x… Continuar a ler

PRÓXIMO (cit.), ROBERT CAPA

A 22 de outubro completaram-se 113 anos do nascimento de Robert Capa (Budapest, Hungria, 22 de outubro de 1913 – Thái Binh, Vietname, 25 de maio de 1954)       Se uma… Continuar a ler

AUGUSTO BRÁZIO, OLHA PRA MIM, 2006

      Augusto Brázio Olha pra mim Fotografia: Augusto Brázio / Texto: Eduardo Prado Coelho / Desenho gráfico: Pedro Falcão Cruz Quebrada: Oficina do Livro / Dez. 2006 Português / 22,6 x… Continuar a ler

ANDRÉ PRÍNCIPE, O PERFUME DO BOI, 2012

      André Príncipe O perfume do boi Fotografia de André Príncipe Lisboa: Pierre von Kleist Editions / 2012 23,5 x 34,0 cm / 48 pag Capa leve, agrafado / Edição normal… Continuar a ler

ANDRÉ PRÍNCIPE, I THOUGHT YOU KNEW WHERE ALL OF THE ELEPHANTS LIE DOWN, 2010

      André Príncipe I thought you knew where all of the elephants lie down Fotografia: André Príncipe Lisboa: Pierre von Kleist Editions / 2010 23,5 x 34,0 cm / 48 pags.… Continuar a ler

ANDRÉ PRÍNCIPE, MASTER AND EVERYONE, 2010

. . . André Príncipe Master and everyone Fotografia de André Príncipe Lisboa: Pierre von Kleist Editions / 2010 Inglês / 23,5 x 34,0 cm / 48 pag. Capa mole, agrafado / 300… Continuar a ler

EDGAR MARTINS, SILÓQUIOS E SOLILÓQUIOS SOBRE A MORTE, A VIDA E OUTROS INTERLÚDIOS (II)

Lisboa: Galeria Cristina Guerra / Rua Santo António à Estrela, 33 / 22.09 – 29.10.2016       Silóquios e solilóquios sobre a morte, a vida e outros interlúdios, de Edgar Martins, é… Continuar a ler

PESSOAS (cit.), PAUL STRAND

126 anos do nascimento de Paul Strand       Uma coisa é fotografar pessoas. Outra, é fazer outras pessoas se importarem com elas, revelando a essência da sua humanidade.”   Paul Strand (Nova… Continuar a ler

O REAL (CIT.), ALFRED STIEGLITZ

      A fotografia é tão penetrante, que se torna mais real que a realidade em si mesma.” Alfred Stieglitz         Alfred Stieglitz, Georgia O’Keefe, 1918      … Continuar a ler

MIGUEL RIO BRANCO, DE TÓQUIO PARA OUT OF NOWHERE, 2016

Lisboa: Galeria Filomena Soares / Rua da Manutenção, 80 / 26.05 – 29.10.2016       Conhecemos com alguma facilidade fotógrafos da maior parte dos países europeus e da América do Norte, o… Continuar a ler

JUDAH BENOLIEL, PANORÂMICAS DE LISBOA – O RIO, 2016

      A [ANTE]câmara do Arquivo Municipal de Lisboa – Fotográfico, na Rua da Palma, acolhe de 23.09 a 31.12.2016, a exposição Panorâmicas de Lisboa, do fotógrafo Judah Benoliel, agora olhando o… Continuar a ler

ANTÓNIO BRACONS, PINHAL, PAIÃ, ODIVELAS, 2016

              As raízes dos pinheiros aprofundam-se, agarrando a árvore, mas algumas espalham-se em redor, à superfície, em linhas, arabescos, traços salientes entre a terra e a vegetação.… Continuar a ler

JOSÉ LUÍS NETO, ANÓNIMO, 2016

      A primeira vez que vi a exposição “Anónimo”, de José Luís Neto (Sátão, Viseu, 1966), foi no Museu Nacional de Arte Antiga, no âmbito do LisboaPhoto 2005. José Luís Neto… Continuar a ler

ARTHUR JÚLIO MACHADO E JOSÉ CANDIDO D’ASSUMPÇÃO E SOUZA, LISBOA UMA GRANDE SURPRESA (EXP), 2016

      Uma grande surpresa! E que surpresa! Descobrir a Lisboa do início do séc. XX (1898-1908), antes ainda da Implantação da República!     Encontramos nesta cerca de centena e meia… Continuar a ler